Economia - Gorilando

Dicionário

Economia

Economia

Publicado em - Atualizado em

Sabemos que os termos clássicos do economês podem causar calafrios e espantar até os nossos leitores mais interessados. Eis aqui a salvação do Gorila: um dicionário com os “palavrões” mais utilizados pelos economistas, de forma bem objetiva para deixar a galera informada e preparada para entender os noticiários econômicos desse mundão!

SOUNDTRACK PARA OUVIR COM ESTE POST

B

Balança Comercial: É a soma monetária das exportações menos a soma das importações.
Balanço de Pagamentos: Constituído pelas transações correntes, conta capital, conta financeira, erros e omissões e resultado global.
BRICS: Sigla para o conjunto com os seguintes países: Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

C

CDI – Certificado de Depósito Interbancário: Taxa de captação dos bancos.
Conta Capital: Transferências unilaterais de capital.
Conta Financeira: Dividida em: investimentos diretos, investimentos em carteira, derivativos e outros investimentos.
COPOM – Comitê de Política Monetária: Tem como função definir os parâmetros de política monetária assim como definir a taxa básica de juros.
Curva de Lafer: Curva que indica o nível ótimo de taxação.
Curva de Philips : Curva que mostra a relação inversa entre a taxa de desemprego e a taxa de inflação. Criada por William Philips.

D

Deflação: Queda de preços.
Desinflação: Redução na taxa de aumento de preços.
Dominância Fiscal: Situação onde a política monetária perde eficácia devido à um quadro fiscal insustentável.

E

Efeito “network”: Efeito de ganho de valor à medida em que mais pessoas utilizem o bem ou serviço.
Erros e Omissões: Compensação de possíveis sobre ou subestimação.
Estagflação: Economia com alto desemprego (estagnação) com inflação, típica dos anos 70.
Exportações: Bens e serviços vendidos ao exterior.

F

FGC – Fundo Garantidor de Crédito: Entidade privada que assegura investidores contra possíveis calotes.
Formação Bruta de Capital Fixo: Corresponde ao aumento (ou redução) da capacidade produtiva de uma economia.
Forward Guidance: Ferramenta de política monetária que se baseia em comunicar de forma objetiva os níveis desejados de indicadores e taxas de juros.

H

Heli Money: Política de provisionamento de liquidez para a população via crédito em conta corrente
Hiato do Produto: Diferença entre o “PIB Observado” e o “PIB Potencial”. Um hiato negativo sugere baixa pressão inflacionária, enquanto um hiato positivo sugere alta de preços.

I

Importações: Bens e serviços comprados do exterior.
Inadimplência: Impossibilidade de liquidar um pagamento previamente acordado.
Inflação: Aumento de preços.

N

NAIRU: Taxa de desemprego de equilíbrio. Ou seja, taxa de desemprego que não causa inflação.

P

PIB – Produto Interno Bruto: É o valor monetário de todos os bens e serviços produzidos em um determinado período de tempo.
PIB Potencial: Estimativa do PIB que poderia ser alcançado sem causar pressão inflacionária.
Política fiscal: Refere-se à utilização das receitas governamentais provenientes de tributos. A política fiscal é dita expansionista o governo gasta mais do que arrecada.  A política fiscal é dita contracionista quando o governo gasta menos do que arrecada.
Política monetária: Utilizada para controlar a quantidade de “dinheiro disponível” na economia. A política monetária é dita acomodatícia quando há aumento na quantidade de “dinheiro disponível” na economia. A política monetária é dita contracionista quando há diminuição de “dinheiro disponível” na economia.

Q

QE – Quantitative Easing: Política de provisionamento de liquidez processada por bancos centrais via compra de ativos financeiros

R

Reservas Internacionais: Ativos externos prontamente líquidos cuja função é o financiamento de desequilíbrios no balanço de pagamentos.
Resultado Global: Variação das reservas internacionais

S

Selic: Taxa de captação do Banco Central.

T

Tapering: Recuo na política de Quantitative Easing
Taxa de câmbio: É o preço de uma moeda avaliado em quantidades (inteiras ou fracionárias) de outra moeda.
Transações Correntes: Soma monetária da balança comercial com as transferências unilaterais.
Transferências unilaterais: Transferência de moeda ou mercadoria entre um residente e um não-residente, sem uma contraprestação. Exemplos: remessas de trabalhadores e reparos de guerra.

Z

Zero Lower Bound: Cenário em que os juros nominais se encontram próximo de zero.

Economia

Ler mais

Investimentos

Ler mais

VEJA TAMBÉM...

corretoras de investimentos
Guia de Corretoras

Corretoras de Investimentos

Guia de Bancos

Banco Next

Dashboard Gorila Invest

Gorila Invest

A melhor plataforma para
controlar seus investimentos

Uma nova forma de olhar para o seu dinheiro. Tenha suas informações financeiras consolidadas em um único lugar

Registre-se agora

Faça seu login

ou
Esqueceu sua senha?
AINDA NÃO TEM CONTA?
Cadastre-se