Entenda o papel do Fundo Garantidor de Crédito - Gorilando

Artigos

Entenda o papel do Fundo Garantidor de Crédito


Ao fazer investimento, é o Fundo Garantidor de Crédito que garante ao investidor que o seu capital aplicado esteja assegurado

29/07/2019

SOUNDTRACK PARA OUVIR COM ESTE POST

Você costuma pesquisar se o investimento que vai fazer conta com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC)? Pois bem, o Gorila vai explicar neste artigo alguns pontos para você ficar de olho para não ter prejuízo com o seu patrimônio e ao final entender o papel do Fundo Garantidor de Crédito.

Primeiro, precisamos saber que o FGC é uma entidade privada, sem fins lucrativos, que administra o mecanismo de proteção aos depositantes e investidores no âmbito do Sistema Financeiro Nacional, até os limites estabelecidos pela regulamentação. Sim, há limites no valor total de proteção.

O FGC também tem a missão de contribuir para a manutenção da estabilidade do Sistema Financeiro Nacional e para a prevenção de crise bancária sistêmica.

Na prática, o FGC garante ao investidor que o seu capital esteja, de certa forma, assegurado quando aplicado em qualquer instituição financeira do país. Assim, se houver algum problema com o local onde fez o investimento você não fica no prejuízo. 

Porém, há um limite. Não é qualquer quantia que conta com esta proteção. O valor máximo assegurado  pelo Fundo Garantidor de Crédito é de R$ 250 mil por instituição financeira, caso venha a acontecer, por qualquer motivo, algum cenário de intervenção, de liquidação ou de falência da instituição em questão. Além disso, há o limite de R$1 milhão por CPF. 

Investimentos garantidos pelo FGC

A maior parte dos investimentos em renda fixa contam com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito. Nesta lista estão: Depósitos à vista, Poupança, CDB e RDB, Letras de Crédito Imobiliário (LCI), Letras de Crédito do Agronegócio  (LCA), Letras de Câmbio (LC), Letras Hipotecárias (LH) e Operações compromissadas.

Investimentos que não contam com a proteção do FGC

Não é só porque um investimento não conta com a proteção do FGC que necessariamente ele é ruim ou arriscado. Sempre é preciso analisar o tipo de investimento e a instituição que o oferece. 

Dessa forma, Ações, Opções, CRI, CRA, Debêntures, Depósitos judiciais, Fundos de investimentos, Fundos de Investimento Imobiliário (FII), Letras Imobiliárias, Previdência Privada e Tesouro Direto não contam com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito.

A razão é a seguinte: alguns investimentos contam com garantias próprias, como no caso do Tesouro Direto que é assegurado pela própria União. Já as debêntures, suas garantias são dadas pela própria empresa emitente.

Mas e os Fundos de Investimento? Como eles são entidades constituídas em comunhão de recursos arrecadados de clientes, o maior risco dos fundos acabam sendo os retornos dos ativos adquiridos, e não do crédito da instituição que faz sua administração. 

E em caso de falência, os cotistas podem se reunir em assembleia e escolher uma nova administradora para seus recursos. Vale lembrar que todo tipo de Fundo de Investimento é acompanhado e fiscalizado pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM)

Viu só como ficou mais claro entender o papel do Fundo Garantidor de Crédito? E aqui no Gorila além de você aprender mais é só cadastrar na plataforma seus investimentos para acompanhar a rentabilidade de um jeito simples e descomplicado. 

Curtiu o artigo? Aproveita para compartilhar com os amigos nas redes sociais!

O Gorila oferece ferramentas para que você possa entender as opções de investimentos e tomar as melhores decisões quando se trata do seu dinheiro. Os guias que oferecemos e as informações que providenciamos são transparentes e isentas. Nós apresentamos os prós e contras das opções atualmente disponíveis. Esperamos que encontre o que é melhor para você!

VEJA TAMBÉM...

corretoras de investimentos
Guia de Corretoras

Corretoras de Investimentos

Já sabemos que a poupança não é a melhor alternativa para quem quer investir, não é mesmo? No meio dessa jornada, temos as corretoras de investimento. Entenda como funcionam esses "shoppings financeiros". ...

Guia de Bancos

Banco Next

Atrelado ao Banco Bradesco, o Next se apresenta com um visual bastante atraente para quem deseja migrar para uma conta digital. Confira suas vantagens e desvantagens segundo o Gorila....

LTN
Guia de Produtos

LTN – Letras do Tesouro Nacional

Vamos aos personagens dessa “novela”: nessa modalidade de investimentos é o governo brasileiro que pega emprestado com você – o herói “emprestador de dinheiro”....

Guia de Bancos

PagBank

O Gorila foi dar uma conferida no PagBank, conta digital do PagSeguro. Ele tem um cartão de crédito pré-pago internacional sem anuidade, mas alguns custos em uns serviços básicos como o saque....

Artigos

Invisto em poupança, não nego. Posso melhorar?

Sabemos que a poupança é a porta de entrada de muitos investidores, mas será que ela é a melhor opção?...

Dashboard Gorila Invest

Gorila Invest

A melhor plataforma para
controlar seus investimentos

Uma nova forma de olhar para o seu dinheiro. Tenha suas informações financeiras consolidadas em um único lugar

Registre-se agora

Faça seu login

ou
Esqueceu sua senha?
AINDA NÃO TEM CONTA?
Cadastre-se