Entenda o Brexit - Gorilando

Artigos

Entenda o Brexit


O Brexit é um processo iniciado pelo Reino Unido para se desfiliar da União Europeia foi adiado até o dia 31 de outubro

12/04/2019

SOUNDTRACK PARA OUVIR COM ESTE POST

Nos últimos meses você já deve ter se deparado com inúmeras manchetes sobre o Brexit. Mas afinal, o que é Brexit? O Gorilando preparou um artigo para que você possa entender o que está acontecendo e como isso pode impactar aqui no Brasil

O que é Brexit?

Brexit é uma abreviação para British exit (que traduzindo significa saída britânica). As pessoas adotaram esse termo para se referir ao processo iniciado pelo Reino Unido para se desfiliar da União Europeia (UE).

Só para contextualizar, a UE é um bloco político e econômico criado em 1957 – como Comunidade Econômica Europeia (CEE). Atualmente, é formado por 28 países que negociam entre si e permitem a livre movimentação de seus cidadãos para moradia e trabalho. O Reino Unido se tornou parte da UE em 1973.

Como começou?

A escolha pela saída do Reino Unido da UE foi determinada por meio de um referendo votado em 23 de junho de 2016 por 17,4 milhões de pessoas. O resultado mostrou que 51,9% dos votos válidos optaram pela saída do bloco. Porém, a saída não aconteceu de imediato e acabou virando um processo cheio de incertezas.

Com a derrota da “permanência”, o primeiro-ministro, David Cameron (que havia convocado o referendo) renunciou ao cargo e foi sucedido por Theresa May. Atualmente, May é a primeira-ministra do Reino Unido e comanda o acordo de retirada, que consiste numa série de termos sobre como seria a saída do Reino Unido. Entre os tópicos estão:

– O valor que o Reino Unido deverá pagar à União Europeia por quebrar o contrato de parceria: cerca de 39 bilhões de libras (R$ 191 bilhões);

– A manutenção dos direitos de residência e acesso a serviços para cidadãos europeus que estão dentro do Reino Unido antes da saída (assim como o inverso);

– Como evitar a volta de uma fronteira física entre a Irlanda do Norte e a República da Irlanda, que é membro da UE;

– Um período de transição para que Reino Unido e União Europeia formulem um acordo de comércio e também permitir que empresas se organizem.

Cenário atual

Originalmente, o Parlamento inglês aprovaria o acordo em 29 de março, mas o documento foi reprovado três vezes (15 de janeiro, 12 e 29 de março). No dia 10 de abril, a União Europeia concordou em adiar o prazo do Brexit até 31 de outubro. A retirada pode ocorrer antes desse prazo se o Parlamento britânico ratificar os termos do Brexit acertados por May com a UE.

No caso do Reino Unido não encontrar um consenso sobre os termos de saída do bloco no deal (sem acordo), significaria não ter um período de transição após o Brexit. Dessa forma, o Reino Unido cortaria os laços com a UE no mesmo momento.

Mesmo com essa hipótese radical, o governo já começou a fazer um planejamento que envolve orientações desde passaportes para bichos de estimação até o impacto no fornecimento de energia.

Questão econômica

De acordo com relatório do banco Goldman Sachs, o Brexit já custou à economia do Reino Unido 600 milhões de libras a cada semana, desde o referendo de 2016. Só no ano passado, a perda foi de quase 2,5% do Produto Interno Bruto (PIB) britânico.

Em março, algumas fábricas britânicas chegaram a fazer estoque de produtos e os supermercados, por sua vez, registraram alta na venda de itens como analgésicos e papel higiênico.

Já o Fundo Monetário Internacional fez um estudo no qual estima que a economia britânica sofra uma redução de 1,5% a 9,5% com a consolidação da saída. Como muitos produtores britânicos exportam produtos em maior quantidade para países-membros da União Europeia, se não houver um acordo econômico os produtos podem não ser vendidos.

Porém, alguns economistas discordam e acreditam que essa liberdade de fazer acordos econômicos livremente com outros países beneficiará a economia britânica. E no caso de um Brexit sem acordo, o PIB britânico recuará 5,5% e um choque de confiança global “substancial” provocará uma depreciação de 17% da libra. Bastante coisa, não?

Impactos no Brasil

Os britânicos são o 12º principal destino das exportações brasileiras. No ano passado, elas foram de US$ 2,99 bilhões, o equivalente a R$ 11 bilhões, segundo o Ministério da Economia.

Para minimizar os riscos nesse cenário de incertezas, a Embaixada do Brasil em Londres e a Apex (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos) lançaram uma plataforma para monitorar futuras mudanças tarifárias e logísticas, além de novas exigências alfandegárias e legais.

Já a consultoria alemã Bertelmann Stiftung fez um estudo para calcular o impacto do Brexit para diferentes países e identificou que o Brasil pode ter ganhos comerciais de até € 1,7 bilhão (cerca de R$ 7,3 bilhões) a depender do modo pelo qual o Reino Unido deixará o bloco europeu. Esse valor refere-se ao cenário de no-deal (sem acordo) e saída imediata da UE.

Se o Reino Unido mantiver uma espécie de soft Brexit (ou Brexit suave) com a UE, o Brasil ainda pode obter ganhos de aproximadamente € 940 milhões (cerca de R$ 4 bilhões). Porém, caso aconteça o chamado hard Brexit, no-deal (sem acordo), isso pode comprometer até 600 mil empregos, com um impacto maior na Alemanha e com efeitos negativos indiretos no Brasil.

O Gorila vai continuar acompanhando o desenrolar do Brexit. Fique ligado nas nossas redes sociais para não perder nada: Facebook, Instagram, Twitter e Linkedin!

O Gorila oferece ferramentas para que você possa entender as opções de investimentos e tomar as melhores decisões quando se trata do seu dinheiro. Os guias que oferecemos e as informações que providenciamos são transparentes e isentas. Nós apresentamos os prós e contras das opções atualmente disponíveis. Esperamos que encontre o que é melhor para você!

VEJA TAMBÉM...

corretoras de investimentos
Guia de Corretoras

Corretoras de Investimentos

Já sabemos que a poupança não é a melhor alternativa para quem quer investir, não é mesmo? No meio dessa jornada, temos as corretoras de investimento. Entenda como funcionam esses "shoppings financeiros". ...

Guia de Bancos

Banco Next

Atrelado ao Banco Bradesco, o Next se apresenta com um visual bastante atraente para quem deseja migrar para uma conta digital. Confira suas vantagens e desvantagens segundo o Gorila....

Artigos

8 dicas para começar a investir agora mesmo!

Dar os primeiros passos e investir é um desafio para muita gente, mas é preciso estabelecer objetivos e conhecer o seu perfil de investidor ...

Artigos

A Origem da Bolsa de Valores

Criada em 1531, a Bolsa da Antuérpia, na Bélgica, é considerada a primeira bolsa oficial; já no Brasil, o embrião da B3 surgiu em 1890...

Artigos

Como se Divide o Mercado Financeiro

Sempre em pauta nos jornais e portais de notícias, o tema mercado financeiro pode parecer um tanto complicado de compreender a princípio, já que têm-se a ideia errada de que ele está ligado somente à Bolsa de Valores. Na verdade, ele faz parte de todo um sist...

Dashboard Gorila Invest

Gorila Invest

A melhor plataforma para
controlar seus investimentos

Uma nova forma de olhar para o seu dinheiro. Tenha suas informações financeiras consolidadas em um único lugar

Registre-se agora

Faça seu login

ou
Esqueceu sua senha?
AINDA NÃO TEM CONTA?
Cadastre-se