Como evitar dívidas do cartão de crédito? Confira 8 passos simples! - Gorilando

Artigos

Como evitar dívidas do cartão de crédito? Confira 8 passos simples!

13/08/2019

Você é daquelas pessoas que não conseguem controlar as dívidas do cartão de crédito? Se você respondeu “sim”, então está enquadrado em uma triste estatística. 

Segundo pesquisa do SPC, cerca de 56% dos brasileiros não tem noção do quanto deve. Ainda, a pesquisa confirma que é geralmente o cartão de crédito a porta de entrada para ter o nome sujo, pois 43,3% acabam não quitando os débitos contraídos a partir do uso desta modalidade de pagamento.

Os dados da pesquisa demonstram que o brasileiro, no geral, não sabe lidar com dinheiro e controlar as dívidas. Por isso, convidamos você a ler o artigo de hoje e descobrir 8 passos simples para evitar dívidas do cartão de crédito.

Acompanhe!

1. Aprenda a controlar seus impulsos

Comprar por impulso é uma atitude que muitos têm, mas é altamente sabotadora. De acordo com um levantamento do SPC, cerca de 4 a cada 10 brasileiros compram por impulso. 

Fomos ensinados a desejar muitas coisas e, quando temos o dinheiro na mão ou, no caso, a possibilidade de comprar e postergar o pagamento, temos uma sensação de que podemos ter tudo no momento desejado. E isso não é verdade.

Aprender a comprar de forma responsável é um aprendizado diário. Mas, com o tempo, se torna mais natural. O ideal é sempre separar seus desejos das necessidades. Desta forma, você conseguirá entender que somente o necessário deve ser comprado. 

Para começar a ter essa mentalidade, busque entender os motivos pelos quais agimos assim. Comprar nos provoca sensação de bem estar, mas não é duradoura. 

2. Faça lista de compras 

Fazer lista de compras ajuda a nos atermos somente ao que realmente precisamos. Ir ao mercado e não anotar o que deve ser comprado fará com que compremos mais do que o necessário

Além do mais, quem não tem um controle do que tem em casa pode acabar levando algo que já possua e acabar desperdiçando alimentos, produtos e, claro, dinheiro. 

Fazer listas não inclui somente aquelas de supermercado. Essa atitude pode ser mantida para tudo, como anotar que tipo de peças de roupa você precisa, livros de estudos, cursos, etc.

3. Avalie as condições de compra antes de usar o cartão

Quando compramos algo, tirar o cartão de crédito da carteira é quase uma ação automática, não é mesmo? Fazer parcelamentos também. 

Dividir compras em parcelas pode nos deixar mal acostumados, pois acabamos não tendo noção do que temos de dívida. Isso acaba se tornando um péssimo hábito também porque faz com que parte do nosso dinheiro esteja imobilizado, todos os meses, para pagamento de parcelamentos.

Antes mesmo de comprar, confira o valor da compra e analise se não é possível pagar à vista no dinheiro ou no cartão de crédito mesmo. Procure parcelar somente em último caso. 

4. Entenda que cartão de crédito não é renda complementar

Algumas pessoas agem como se o cartão de crédito fosse uma renda complementar. Quantas pessoas você conhece que já falou algo parecido como “não tenho dinheiro/não quero pagar no débito, mas ainda bem que tenho um cartão de crédito com limite de x reais…então posso ficar tranquilo.”? Com certeza você já ouviu algo assim.

Muitas pessoas utilizam o cartão como se fosse uma extensão da renda. Isso está totalmente errado! Nunca veja o cartão de crédito como um “socorro” pois, na verdade é apenas mais uma maneira de ver seu dinheiro indo embora. 

5. Não tenha muitos cartões de crédito

Quem nunca ficou tentado a aceitar um cartão de crédito que um banco ofereceu? E quem não se interessou pelos cartões de banco digital? Para evitar ficar com muitos cartões na carteira, precisamos de controle.

Usar vários cartões de crédito prejudica a organização financeira, pois fica muito fácil se perder nos valores, nos vencimentos e no total das dívidas. 

Por isso, tenha apenas 1 cartão de crédito e concentre todas as dívidas nele. Dessa maneira, ficará mais fácil controlar os gastos e visualizar o que foi comprado. 

6. Não atrase ou parcele a fatura

Atrasar o pagamento da fatura lhe fará pagar juros. Mas vamos combinar que parcelar a fatura e cair no juros rotativo é uma das piores coisas que pode acontecer, não é mesmo?

Isso porque os juros rotativos do cartão são muito altos. Você poderá pagar mais que o dobro de uma dívida, dependendo da situação. Portanto, se você não quer perder dinheiro, tente nunca parcelar uma fatura do seu cartão.

7. Seja organizado e planeje-se

Se você possui dívidas, detalhe todas as suas dívidas e receitas. Desta forma, ficará mais claro visualizar o total que entra na sua conta e tudo o que sai dela. 

Assim, você também poderá decidir com mais facilidade quais gastos podem ser cortados, colaborando mais ainda para fazer economias. Quem é organizado geralmente não se perde nas dívidas e consegue ter um planejamento para o futuro – evitando, assim, dívidas do cartão de crédito.

8. Defina metas para o futuro

Uma boa forma de ajudar quem compra por impulso e usa muito o cartão de crédito a economizar é planejar metas para curto, médio e longo prazo. Assim, você terá objetivos que farão com que você poupe dinheiro para realizá-los e pensará melhor na hora de gastar. 

Portanto, não deixe de escrever metas futuras em um papel e acompanhe suas finanças para ver em quanto tempo poderá realizá-las. 

Finanças organizadas: e agora?

Com as finanças devidamente organizadas, sem dívidas do cartão de crédito e um bom controle financeiro, você poderá pensar em alçar novos voos. A melhor alternativa, neste caso, é começar a investir.

Mantenha um hábito de separar um dinheiro e crie uma reserva de emergência para imprevistos. Poupe também para aplicar o dinheiro visando alcançar os objetivos de curto, médio e longo prazo.

Seguindo estas dicas e mantendo bons hábitos financeiros, sem dívidas do cartão de crédito ou quaisquer outras dívidas, você conseguirá ter uma vida financeira muito mais tranquila e realizar seus objetivos financeiros mais cedo do que você imagina!

Dívidas do cartão, se não forem bem administradas, podem atrapalhar muito as finanças. E, se não forem rapidamente resolvidas em caso de atraso, poderão levar meses – ou anos – para serem quitadas, atrasando sua tranquilidade financeira. 

Por isso, seja organizado e siga as dicas para evitar dívidas do cartão de crédito e assim alcançar o bem estar financeiro que tanto deseja!

E você, gostou do artigo? Então que tal continuar aprendendo? Leia agora sobre investimentos em renda fixa para entender mais sobre finanças!

O Gorila oferece ferramentas para que você possa entender as opções de investimentos e tomar as melhores decisões quando se trata do seu dinheiro. Os guias que oferecemos e as informações que providenciamos são transparentes e isentas. Nós apresentamos os prós e contras das opções atualmente disponíveis. Esperamos que encontre o que é melhor para você!

VEJA TAMBÉM...

corretoras de investimentos
Guia de Corretoras

Corretoras de Investimentos

Já sabemos que a poupança não é a melhor alternativa para quem quer investir, não é mesmo? No meio dessa jornada, temos as corretoras de investimento. Entenda como funcionam esses "shoppings financeiros". ...

Guia de Bancos

Banco Next

Atrelado ao Banco Bradesco, o Next se apresenta com um visual bastante atraente para quem deseja migrar para uma conta digital. Confira suas vantagens e desvantagens segundo o Gorila....

Guia de Bancos

Digio

O Digio é mais uma opção para quem busca um cartão de crédito sem anuidade. Com a bandeira Visa, o cartão é aceito em outros países e é livre de taxa de emissão e manutenção....

Artigos

Social Bank

Além de uma conta digital com cartão de crédito, empresa tem a função de empréstimo de pessoa para pessoa ...

5 mandamentos do investidor de sucesso
Artigos

Os 5 Mandamentos do Investidor de Sucesso

Uma vez que tenha adentrado no universo dos investimentos, o próximo passo é entender de que forma tornar a prática ainda mais lucrativa e interessante. Alguns hábitos de investidores de sucesso podem ajudar, conheça!...

Dashboard Gorila Invest

Gorila Invest

A melhor plataforma para
controlar seus investimentos

Uma nova forma de olhar para o seu dinheiro. Tenha suas informações financeiras consolidadas em um único lugar

Registre-se agora

Faça seu login

ou
Esqueceu sua senha?
AINDA NÃO TEM CONTA?
Cadastre-se